segunda-feira, 11 de dezembro de 2017

Luz da semana



Nada existe por si só. Todos nós pertencemos uns aos outros; não podemos cortar a realidade em pedaços.
Minha felicidade é a sua felicidade; meu sofrimento é seu sofrimento.
Nós nos curamos e nos transformamos juntos.
(Thich Nhat Hanh)

sábado, 9 de dezembro de 2017

Porque hoje é sábado



Guardar uma coisa não é escondê-la ou trancá-la.
Em cofre não se guarda coisa alguma.
Em cofre perde-se a coisa à vista.

Guardar uma coisa é olhá-la, fitá-la, mirá-la por
admirá-la, isto é, iluminá-la ou ser por ela iluminado.

Guardar uma coisa é vigiá-la, isto é, fazer vigília por
ela, isto é, velar por ela, isto é, estar acordado por ela,
isto é, estar por ela ou ser por ela.

Por isso melhor se guarda o voo de um pássaro
Do que um pássaro sem voos.

Por isso se escreve, por isso se diz, por isso se publica,
por isso se declara e declama um poema:
Para guardá-lo:
Para que ele, por sua vez, guarde o que guarda:
Guarde o que quer que guarda um poema:
Por isso o lance do poema:
Por guardar-se o que se quer guardar.
(Antonio Cicero)

sexta-feira, 8 de dezembro de 2017

Entre aspas





A felicidade existe.
Não fora de nós, onde em geral a procuramos;
mas dentro de nós, onde raras vezes a encontramos.
(Huberto Rohden)

quinta-feira, 7 de dezembro de 2017

Contando um conto



O mestre zen Chao-chou perguntou a um monge recém-chegado a seu mosteiro:
Já esteve aqui antes?
Sim, senhor, respondeu o monge, já estive no verão passado.
Ah! Então entre e tome uma xícara de chá disse o mestre, feliz.
Num outro dia, apareceu um novo recém-chegado. Chao-chou lhe perguntou:
Já esteve aqui antes?
Eu jamais estive aqui, mestre.
Ah! exclamou o sábio, feliz, então entre e tome uma xícara de chá.
Inju, o monge que administrava o templo, testemunhou ambos os eventos. Disse então para Chao-chou, intrigado:
Por que sempre faz o mesmo oferecimento de chá, qualquer que seja a resposta do monge?
O mestre subitamente gritou-lhe:
INJU!!
O outro assustou-se e disse, apreensivo:
Sim, mestre! O que houve?!
Chao-chou completou:
Entre e tome uma xícara de chá.

quarta-feira, 6 de dezembro de 2017

Pensamentos daqui e dali



Fazendo o que os outros me diziam, eu estava cego.
Vindo quando os outros me chamavam, eu estava perdido.
Então abandonei a todos, eu mesmo, inclusive.
Então encontrei a todos, eu mesmo, inclusive.
(Rumi)

Coisas d'alma



Quer ouvir Deus?
Entregue-se à beleza da música,  sem pensar em Deus.
Quer sentir o cheiro de Deus?
Respire fundo o cheiro do jasmim,  sem pensar em Deus.
(Rubem Alves)